Pêlos: tê-los ou não?

Compartilhe / Share

Reproduzimos abaixo, na íntegra, o texto originalmente publicado no site Kikoriaze.com.
Ele foi enviado como dica por um leitor nosso.

Queremos saber a opinião de vocês a respeito deste tema.

——————————

UndressingA ditadura estética que se formou a partir da década de 90 trouxe para a cena gay os homens bombados, de músculos definidos e depiladíssimos. Principalmente nos clubes de cultura barbie e nos lugares praianos.
Basta dar uma voltinha pela Farme de Amoedo ou curtir uma baladinha na The Week para comprovar este fato mais do que irrefutável. Possuir um pelinho cá ou uma gordurinha acolá se tornou um verdadeiro crime na comunidade gay. Frequentar academia virou uma obrigação e arrancar os pêlos indesejáveis se tornou uma verdadeira obsessão.
Aqui no Rio, a norma que não muda nunca é: malhar pesado para o verão e para o Carnaval. Exibir os músculos depilados em Ipanema ou em cima de um carro alegórico na Marquês de Sapucaí é o que há. Seu valor se mede pelos músculos.
Eu acho isso um saco! O gay tem feito desaparecer o que tem de mais interessante que é justamente as características naturais e particulares de cada tipo de corpo e, de uns tempos para cá,  tem se esforçado (literalmente) para formar um tedioso exército de clones anabolizados e depilados. Se tornaram todos iguais, quase sem identidade, seguindo o mesmo modelo estético… Que graça tem nisso?
img39
Mas ao que tudo indica, parece que (finalmente!) esta ditadura está com os dias contados. Não sei o que está acontecendo (talvez os homens estejam fartos desta monotonia estética), mas venho percebendo que as ceras de depilação estão saindo de cena, ainda que timidamente.
untitled2Os corpos peludos estão saindo do armário, começando pela comunidade gay européia, como pode ser percebido nas últimas edições das principais revistas gays do velho mundo.
Conforme adiantado pelo Marcelo Cia no XXY, este mês a revista inglesa Attitude e a francesa Têtu falam exatamente deste tema. A primeira traz na capa o queridinho dos ursos europeus: o  jogador gay-friendly de rugby Ben Cohen, com seu body todo parrudinho e peludo. Veja abaixo:
bc1
bc2
E a segunda traz uma matéria falando da nova tendência estética dos gays, apontando para o fim da era dos depilados. Aqui no Brasil, a revista TPM ataca de Thiago Alvez (abaixo), jogador de volêi que também assume seus pêlos e uma barriguinha natural bastante sexy.
talves1
Será que a moda pega?
Aproveitando o assunto, que tal responder a pergun
ta abaixo nos comentários?

Que tipo de homem você prefere?

Ajude-nos a manter o blog clicando nos banners abaixo, não custa nada. Por favor, cliquem sempre que vierem por aqui se divertir. Obrigado! Contamos com a ajuda de vocês 🙂



(Visited 1 times, 1 visits today)

Start a Conversation

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *